segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Estamos em Roma, a cidade eterna!

Desembarcamos em Fiumicino e logo vimos que o aeroporto é mais antigo, diferente dos aeroportos europeus que já conhecemos e que são bastante modernos e funcionais. Mas, já fomos recebidos com este painel e ficamos satisfeitos:



Seguimos as placas até a esteira, muitos vôos na mesma esteira, muita gente, turma de excursão, aquela confusão...


O Jean já tinha decidido pegar taxi, pois não ia ser legal descer na Termini e ir puxando malas até o hotel. Saindo na porta do desembarque, dei de cara com diversas lojinhas tipo esta, com serviços de shuttle até a porta do hotel, com preços a partir de 10 euros.


Fomos direto nesses dois senhores, muito simpáticos por sinal. O preço ficou em 20 euros para cada e imediatamente fomos conduzidos a uma van e seguimos com outros quatro passageiros que estavam juntos. Trinta e cinco minutos depois, estávamos no hotel. O hotel é exatamente como descrevi no post anterior. É o da fachada cor de terra. O quarto é bem simples, mas tem wifi, ar condicionado split, frigobar e tv de LCD. Nos atendeu perfeitamente.


A rua do hotel é bem calma e bonitinha.


Na programação do nosso primeiro dia em Roma, fizemos um passeio pelo centro histórico da cidade, visitando alguns dos mais representativos monumentos da cidade. O clima estava ideal, perfeito, em torno de 26 ºC, com um vento leve, fresco, sem ser muito calor e nem um pouco de frio.




A)      HOTEL
B)      VIA NAZIONALE
C)      PALÁCIO DO QUIRINAL, PIAZZA DEL QUIRINALE
D)      FONTANA DI TREVI
E)      PIAZZA DELLA ROTONDA
         PANTHEON
F)      BASILICA DI SANTA MARIA SOPRA MINERVA
G)     PIAZZA NAVONA
         FOUR RIVERS FOUNTAIN
H)     CAMPO DE' FIORI

Fizemos hoje até a letra E do roteiro. Saindo cedo, dá para fazer tudo perfeitamente. Mas, nós descansamos no hotel, enrolamos... E, no caminho, fomos achando outras coisas legais, que não estavam no planejado. Como todo este conjunto na Piazza da Republica:











Seguimos andando pela Via Nazionale, lojas de roupas chiques, a caminho do Palácio do Quirinal.




O Palácio do Quirinal serviu de residência estival aos Papas até 1870. Após esse ano, ele se tornou residência oficial dos reis da Itália e atualmente é a residência  e local de trabalho do presidente da república italiana, desde que a monarquia foi abolida, em 1946.




Fomos descendo a escadaria do Quirinal, em direção à Fontana di Trevi.




Quando chegamos lá, entendemos porque ela é absurdamente conhecida! A fonte é simplesmente sensacional, só estando lá para entender!




Ela fica no entroncamento de três ruas. A Fonte surgiu de um aqueduto existente no local e foi projetada pelo arquiteto Leon Batistta Alberti. Posteriormente, Bernini fez alguns desenhos, que não foram executados, e modificou sua localização, reposicionando-a do outro lado da praça. Posteriormente, a fonte foi reformada por Nicola Salvi, que colocou a estátua de Netuno. Por fim, a fonte foi concluída por Giuseppe Pannini.





No centro da fonte está a estátua do deus Netuno, representado sobre um carro em forma de concha puxado por dois cavalos-marinhos.


Cada centímetro disponível do lugar sendo disputado por centenas de turistas!


A lenda diz que, se a pessoa jogar uma moeda de costas para a fonte, retornará a Roma. E é óbvio que nós não íamos deixar passar a oportunidade!!!





Depois de uma overdose de Fontana, fomos para a Piazza dela Rotonda. Esta praça possui muitos bares e é um ponto de encontro em Roma. Porém, os preços são mais altos do que em outros lugares. Em seu centro, uma fonte com o obelisco egípcio construído por Ramsés II para o templo de Ra e trazido de Heliopolis após a vitória romana sobre o Egito.







De frente para o Obelisco está o Pantheon. Essa magnífica edificação de 27 a.C que se mantém perfeitamente conservada era considerada a morada dos deuses e sua arquitetura tem um simbolismo cósmico. O óculo central no teto é a única fonte de luz do edifício e representa o sol durante o dia; e a lua durante a noite. Ficamos encantados com esta magnífica obra de período anterior ao nascimento de Cristo!












Neste ponto o cansaço e a fome bateram forte! Retornamos para a Fontana di Trevi, que estava lotada de turistas para ver a iluminação noturna.



O restaurante escolhido par ao jantar foi este local charmoso, ao lado da Fontana.


Uma pizza de Ham com mushrooms, assim mesmo, em inglês, na Italia!












E um brinde com prosseco! E que o amanhã nos traga mais belas aventuras!!!





5 comentários:

Bem Casada disse...

Ta muito boneca vc sua linda!!!!
Aproveita!!!

Beijos....lindooooo o blog!!!

Suzala Moura disse...

Muito lindo, amiga!!! aproveita!!!!!!!!!

Fabiane Teixeira disse...

Perfeito!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Amei as dicas, vc está linda, e o casal irradiante!
Curta muito, amiga!
Já estou anotando tudo! rsss.
Beijossssssssss

Atelier Glacê Real disse...

Já tô aqui!!!
Viajei com vocês neste post perfeito!
Baci,
Marcela.

renata disse...

Olá Kate, adorei ler os seus roteiros de viagens, vou aproveitar mt coisa na minha viagem.

bju